Bolsonaro estuda migrar para partido que surgirá com fusão do Patriota e outra legenda

0
53
-
Foto : José Cruz/Agência Brasil

Apesar de ter dito para a imprensa que não pretende deixar o PSL por “livre e espontânea vontade”, o presidente Jair Bolsonaro está mirando o novo partido que deve surgir da fusão do Patriota com uma legenda menor. Segundo o jornal O Globo, o núcleo duro do presidente avalia que desta forma os deputados do PSL poderiam migrar para a nova sigla sem o risco de perder o mandato ou ainda sem precisar aguardar a janela partidária.

Filhos do presidente, Flávio Bolsonaro (PSL) e Eduardo Bolsonaro (PSL) estão conversando com dirigentes de outros partidos para ajudar no processo de fusão.

- Anúncio -

“Quando duas legendas se fundem, aos olhos da Justiça Eleitoral é como se surgisse um novo partido. Com isso, deputados poderiam vir para essa legenda sem necessidade de aguardar a abertura da janela de transferência. A criação de um novo partido, sem fusão, demoraria cerca de um ano, e não podemos esperar”, disse um aliado de Bolsonaro, para a publicação, sem se identificar.

(Bahia.BA_)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui