Cachaças e produtos da agricultura familiar são atrações da Exporural

0
106
-
Foto: Caíque Gramosa/GOVBA

Considerada uma das maiores feiras agropecuárias do Norte-Nordeste, a Exporural chega à 20ª edição com uma programação diversificada para os visitantes. Até domingo (18), a feira deve receber cerca de 100 mil pessoas no Parque de Exposições de Salvador. Uma das opções da Exporural é o setor de cachaças, no qual é possível encontrar a bebida nas mais sofisticadas formas de produção. 
O revendedor da bebida destilada Raimundo Freire é responsável pelo maior estande do produto na feira. Estão expostas cachaças produzidas por mais de 40 produtores de diversas partes do estado. “Aqui é um reduto para a cachaça baiana. É uma área voltada para mostrar o potencial da cachaça. Hoje, por exemplo, iremos servir uma rabada feita com cachaça”, afirma.
Segundo Raimundo, o município de Abaíra ainda é um dos principais produtores do destilado no país. Na Exporural, os valores da garrafa da bebida variam entre R$ 30 e R$ 70. “Nós proporcionamos uma experiência para que as pessoas conheçam e entendam como é a produção de cachaça na Bahia. Além disso, temos drinks que são feitos com esse destilado e lembramos sempre que, mais do que simplesmente beber, é importante conhecer essa produção baiana”, acrescenta. 
Agricultura familiar 
Os visitantes também podem encontrar na Exporural produtos oriundos da agricultura familiar. Estão reunidos no local 30 empreendimentos do segmento, que valorizam a cultura de cada parte do estado. Com apoio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), e da Bahia Pesca, os produtores integram uma parceria com a Caravana da Coragem. 
Entre os expositores está a pescadora Maria Aparecida, que trouxe peixes e derivados para serem comercializados. A produção é resultado do trabalho de 53 famílias que vivem em Sobradinho e que foram beneficiadas em dois editais do Bahia Produtiva. 
Itens como linguiça de tilápia, filé de tilápia e caldo de peixe estão disponíveis. “Os nossos produtos são oriundos da região do Rio São Francisco. São esses produtos que garantem o sustento das famílias. A gente espera que as pessoas venham conhecer e comprar nossa produção. A Exporural é uma oportunidade para a gente fazer novas parcerias também”, destaca Maria Aparecida. 

Adab
No estande da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), estudantes das redes pública e privada de ensino recebem orientações sobre consumo e origem da carne bovina. Segundo a médica veterinária da Adab, Irma do Amor, cerca de três mil crianças participam da atividade proposta. 
“O nosso propósito é integrar essas crianças dos centros urbanos ao meio rural. Para isso, despertamos a importância que esse segmento tem na vida delas. A gente alia lazer, entretimento e educação. Aqui, por exemplo, elas aprendem porque não consumir carne sem o carimbo de inspeção. E essa informação será multiplicada com seus familiares”, explica. 
A feira 
A expectativa dos organizares da Exporural é movimentar R$ 10 milhões com leilões e vendas indiretas de animais, maquinários e implementos agrícolas. O ingresso custa R$ 10. Crianças de até 10 anos e adultos com mais de 60 anos têm entrada gratuita.  (Secom)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui