Cidade natal de Bolsonaro pode ser extinta com aprovação de PEC

0
176
-
Imagem: Reprodução/Prefeitura de Glicério

A cidade onde nasceu o presidente Jair Bolsonaro (PSL) pode ser extinta caso o pacote Mais Brasil, apresentado nessa terça-feira (06/11/2019), passe a valer. A pequena Glicério, no interior de São Paulo, tem 4.565 habitantes e 9,5% da receita total de fonte externa. A informação foi revelada pelo jornal Valor Econômico.

O pacote apresentado pelo governo Bolsonaro prevê a extinção de municípios com menos de 5 mil habitantes e arrecadação própria menor do que 10% da receita total. Com a proposta, eles serão incorporados por municípios vizinhos maiores.

O governo argumenta que “unidos gastamos menos e melhor”. No entendimento do ministro da Economia, Paulo Guedes, “menos é mais”. A medida prevê uma nova restrição na criação de municípios.

Durante a campanha eleitoral de 2018, o então candidato à presidência da República Jair Bolsonaro recebeu, das mãos do prefeito Ildo de Souza, a chave de Glicério. Bolsonaro foi recebido por uma comitiva de vereadores da cidade e por Ildo.

Durante sua passagem pela cidade, ele discursou e falou em lembrar das suas raízes. “Aquele que esquece seu passado está condenado a não ter futuro. Não há dúvida que estou emocionado, nasci aqui no dia 21 de março de 1955”, disse o então candidato. Após o nascimento, Bolsonaro ficou apenas oito meses na cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui