Ex-secretário desmente Cabral e nega repasses a Dias Toffoli

Foto: Carlos Alves Moura/Agência Brasil

O ex-secretário de Obras do Rio de Janeiro, Hudson Braga, disse desconhecer qualquer repasse para o ministro do Superior Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli. Em delação premiada, o ex-governador do Rio, Sérgio Cabral, acusou Toffoli de ter recebido R$ 4 milhões para favorecer prefeitos do estado e que o ex-secretário teria feito a transação. As informações são da coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de São Paulo.

Baseado na declaração de Cabral, a Polícia Federal pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) que abra um inquérito para investigar o ministro do STF.

“Hudson Braga nunca operacionalizou nada. Ele nunca sequer soube de qualquer situação que envolvesse o ministro Toffoli”, disse o advogado do ex-secretário, Roberto Pugliuso para o jornal. (bahia.ba)