“Inaceitável”; denomina Uberdan sobre supostas cotas privilegiando vereadores no atendimento ao SUS de S. A. de Jesus

Vereador Uberdan Cardoso (PT) / Foto: Voz da Bahia

Em entrevista a recôncavo FM, o vereador Uberdan Cardoso (PT) falou sobre a denúncia efetuada pelo cidadão, morador de Santo Antônio de Jesus, José Carlos na Tribuna da Câmara a respeito de cotas que alguns edis têm de forma privilegiada para atendimentos médicos pelo SUS (Sistema Único de Saúde) no município.

Segundo o vereador Uberdan, a denúncia é gravíssima e incompressível, “não justifica que o cidadão vá para fila 2 horas da madrugada para tentar ser atendido enquanto alguns vereadores têm o privilégio de marcar as consultas”, expôs.

Ainda segundo Cardoso, tais cotas pode ser um dos motivos do pouco número de atendimento do SUS no município, “o laboratório da Policlínica Municipal só faz 10 atendimentos ao mês, então é inaceitável essa redução de oferta de serviço”, reclama.

Ainda durante a entrevista, o petista relatou a indicação que efetuou a Prefeitura Municipal sobre a criação de uma superintendência de sustentabilidade e bem-estar animal, “seria uma Superintendência com estatuto na Secretaria de Meio Ambiente que pudesse atentar para a questão da sustentabilidade, pois, temos problemas crônicos na cidade e também do bem-estar animal”, explica.

Reportagem: Voz da Bahia