‘Jogo estratégico nojento’, diz Malafaia sobre apoio da Universal a indicado ao STF

Foto: Isac Nóbrega/Presidência da República

O pastor Silas Malafaia disse, em entrevista ao jornal Folha de São Paulo na noite de terça-feira (6), que a Igreja Universal faz “um jogo estratégico nojento” ao endossar a indicação do juiz federal, Kassio Nunes, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para vaga no Supremo Tribunal Federal (STF).

De acordo com a publicação, Malafaia, que até então era aliado de primeira hora de Bolsonaro, disse que o juiz “tem amizade com a turma do PT” e “posição muito dúbia” sobre aborto. “Precisa de mais alguma coisa?”, questionou.

Segundo o pastor, a Igreja Universal demonstrou apoio à indicação do presidente em troca de apoio aos candidatos às prefeituras de São Paulo, Celso Russomano, e Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, ambos do Republicanos, partido ligado à igreja. (bahia.ba)