Mãe de siamesas nascidas no Luiz Argolo fala sobre expectativa para vê-las

-Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Enquanto se recupera na Bahia das complicações do parto, a mãe das gêmeas siamesas Laura e Laís diz estar contando as horas para ver as filhas, que nasceram unidas pela bacia e pelo abdômen e compartilham fígado, intestino e bexiga. Elas nasceram no dia 15 em Santo Antônio de Jesus, no interior da Bahia, e foram encaminhadas ao Hospital Materno Infantil (HMI), em Goiânia, um dia após o parto.

A mãe das gêmeas, Liliane Silva dos Santos, teve hemorragia no parto e ficou quatro dias na UTI. Agora, Liliane se recupera em casa, em Piraí do Norte, na Bahia e conversa com a irmã por telefone para ter notícias das filhas.

“Aliviada sabendo que elas estão bem, estão sendo bem tratadas, estão se recuperando bem, mas está um pouco difícil. Quero que elas voltem o mais rápido possível ou que eu me recupere para ir para lá também o mais rápido possível. Se Deus quiser, vai dar tudo certo ”, diz Liliane.

Tia que acompanha siamesas em hospital de Goiânia conversa com irmã, que está na Bahia, por telefone — Foto: Reprodução/TV Anhanguera
Tia que acompanha siamesas em hospital de Goiânia conversa com irmã, que está na Bahia, por telefone — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

A tia das siamesas, Maria Lina Soares dos Santos, deixou o emprego e viajou até Goiânia para acompanhar as sobrinhas, sem ter previsão de quando irá retornar para a Bahia.

“Foi um susto, quando eu acordei já estava aqui. Eu só falei para ela [irmã]: ‘tô indo, viu’. A única coisa que ela me pediu foi: ‘traz minhas filhas de volta’. E eu vou levar elas de volta, com certeza”, afirma.

De acordo com o HMI, as gêmeas não têm previsão de alta, mas estão bem, respiram espontaneamente e estão sendo alimentadas por uma sonda, que deve ser retirada aos poucos. Ainda segundo o hospital, a cirurgia de separação deve acontecer daqui um ano, depois que as gêmeas ganharem mais peso e tiverem mais pele. (G1)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui