Marcas baianas desenvolvem peças para arrecadar verba para Obras de Irmã Dulce

0
63
-Fagner Bispo é o curador de moda do Afro Fashion Day e desenvolveu uma bag com imagem da Irmã Dulce (Foto: acervo pessoal)
Fagner Bispo é o curador de moda do Afro Fashion Day e desenvolveu uma bag com imagem da Irmã Dulce (Foto: acervo pessoal)

O projeto Marcas do Bem nasceu com um objetivo: aproximar os jovens dos projetos das Obras Sociais de Irmã Dulce (OSID).  A iniciativa utiliza a moda como ferramenta para o diálogo com o público. Com curadoria da Escola Baiana de Arte e Moda (EBAM), foram convidadas dez marcas baianas: Amará, Euzaria, EBAM por Elano Passos, Fagner Bispo, Jeferson Ribeiro, Kal Laynne, Miranda, Vivire e Outerelas.

O lançamento para convidados foi realizado no dia 27 de setembro e recebeu as marcas e Maria Rita, sobrinha de Irmã Dulce e superintendente das OSID, entre outros convidados. (Correios)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui