Feira de Santana: Motorista perde o controle de veículo e atropela clientes de bar; veja vídeo

Foto: Divulgação/Redes Sociais

Um veículo Tiggo, de placa policial OZK-5J62, invadiu um bar por volta das 21h50 da noite de ontem (12) na Rua São Domingos em Feira de Santana.

A motorista perdeu o controle do veículo durante a marcha ré e atropelou várias pessoas que estavam sentadas na área externa do estabelecimento. O local ficou bastante destruído.

Câmeras de monitoramento de segurança registraram o momento do acidente e várias imagens estão circulando nas redes socias de pessoas ensanguentadas no chão.

O proprietário do Simbora Bar, Antônio Aragão Sobrinho Júnior, contou ao Acorda Cidade que estava no interior do estabelecimento, fechando contas de clientes, quando foi surpreendido com o fato. De acordo com ele, o veículo subiu a calçada de aproximadamente 40 centímetros e invadiu o bar. Ele relatou que algumas pessoas se machucaram, tiveram cortes devido as garrafas e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), levou duas pessoas para o hospital.

“Todas as pessoas caíram, algumas se machucaram e eu acho que o que salvou as pessoas foi o passeio. Porque quando o carro foi subir acabou travando um pouco a subida e algumas pessoas conseguiram sair da frente. Mas mesmo assim foram muitas pessoas. As que foram para o hospital fiquei sabendo que estão bem”, declarou.

Ele informou que a motorista estava sozinha no veículo e que depois de atropelar as pessoas, saiu do local.

“Ela sumiu. O caro ficou aqui e depois quando a gente acordou não estava mais. Não faço ideia do que aconteceu. Tive um prejuízo imenso. Várias pessoas saíram assustadas e foram embora sem pagar as contas, a estrutura ficou toda danificada. Perdi uma televisão e amanhã vou à delegacia registrar a ocorrência. Consegui o telefone da mulher com uma pessoa conhecida, liguei para ela e ela disse que essa semana vai me ligar e se apresentar à delegacia para a gente resolver”, afirmou.

Para a mãe de Antônio, Ana Aragão a motorista invadiu com o veículo no bar de forma premeditada. Ela contou que câmeras de segurança mostram tudo o que aconteceu e que a mulher chegou a ir até o bar, conversou com as atendentes e perguntou se tinha alguma mesa vaga.

“Na verdade, pelos registros das câmeras a gente observa como se ela tivesse observando alguma coisa e enquanto a menina foi para ver se conseguia uma mesa, ela saiu, entrou no carro e veio de ré. Aí quando ela encostou na calçada alta, não deu para subir, ela acelerou o carro e foi para cima de todos que estavam aqui. Se não é a mão do Senhor Jesus tinha matado todo mundo”, comentou.

Ana considerou o ocorrido como uma atitude de terrorismo e desespero.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade.

Veja vídeo abaixo: