Sobre a gestão do prefeito de S. A. de Jesus, Dr. Leonel aponta: “ainda dá tempo de melhorar”

0
190
-
Foto: Reprodução

Afastado da política desde a última eleição, o médico urologista Dr. Leonel Cafezeiro Argolo concedeu entrevista a Andaiá FM na noite desta terça-feira (20) e ponderou a respeito da política no município de Santo Antônio de Jesus.

O ex-secretário de saúde da gestão do ex-prefeito Alvaro Bessa (sem partido), ressaltou que apesar do seu afastamento, continua pertencer ao Partido Social Democrata Brasileiro (PSDB), no entanto, sente-se decepcionado na politica. Ainda para Cafezeiro, a política e respectivamente os partidos estão contaminados, tendo em vista a disparidade de cobranças de impostos e a defasagem dos serviços públicos, “os políticos perderam o compromisso com a sociedade, prometem e com a mesma facilidade não cumprem e a sociedade que aguarda, esquece”, citou.

- Anúncio -

Com as eleições municipais se aproximando, Dr. Leonel garante que continua atuante dentro de seu partido, porém, mesmo desiludido confirma que só assumirá compromisso se o PSDB se revitalizar, “por muito tempo militei com o grupo Beija-Flor, ainda me simpatizo. Sinto falta do compromisso com a sociedade. O partido quer que eu atue, mais só voltarei se houver um grupo forte com um proposito firme de colaborar e não apenas de usufruir do que o meio politico possa favorecer. A classe hoje está desacreditada”, reafirmou.

Avaliação da assistência à saúde no município:

O ex-secretário de saúde salientou que a gerência está deficiente. De acordo com Leonel existe muito o que fazer, porém há uma decadência no assistencialismo. “Equipado com um HRSAJ (Hospital Regional), uma Policlínica e uma Santa Casa e Maternidade referência na região, o município é carente em relação ao que é oferecido a população, temos visto queixas em relação a deficiência na saúde. A demanda está reprimida na assistência com a população. Há falta de materiais e medicamentos”, pontuou.

A UPA (Unidade de Pronto Atendimento), que virou base política de todas as administrações em campanha. Construída na gestão de Euvaldo Rosa, a UPA continua fechada por falta de recursos. Para Cafezeiro o investimento na Unidade foi inválido e deveria ser aplicado melhor, “uma cidade como Santo Antônio de Jesus, com a verba que tem, não compreendo o porque de manter a Unidade fechada. Se não havia como mantê-la, porque foi construída?”, questionou.

Gestão Rogério Andrade:

Em relação a gestão do atual prefeito, Rogério Andrade (PSD), Cafezeiro não avaliou a gestão como boa, no entanto salientou que em uma administração nada está 100%, “dá tempo ainda de melhorar, espero que ele se esforce, Andrade é uma pessoa que pensa muito em si, na família e em seus amigos do que na cidade”, expôs.

Segundo destacou em entrevista, o prefeito trouxe para sua administração pessoas de fora, que não conhecem a realidade da população, “é preciso que se melhore o diálogo, que venham até o povo para saber do que realmente precisam”, concluiu.

Redação: Voz da Bahia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui