Sobre o seu futuro político para as próximas eleições em SAJ, Dalva aponta: “dependemos de Deus”

0
636
-
Secretária de Ação Social e Vice-prefeita Dalva Mercês / Imagem: Voz da Bahia

No Lar dos Idosos, a vice-prefeita e secretária de Ação Social, Dalva Mercês (PSB) conversou com a reportagem do Voz da Bahia e falou sobre assuntos relacionados ao município, além da política em Santo Antônio de Jesus.

Dalva ressalta que o prefeito demostrou interesse em visitar ao Lar do Idosos e todos abraçaram a ideia, “ele informou que não queria festa e que ninguém fizesse nada em homenagem ao aniversário dele. A sua vontade era apenas ir ao Lar dos Idosos para trazer algo que os idosos estivesse precisando. Entramos em contato com Dona Lígia a responsável, e ela nos informou o que a instituição estava precisando. Ele comprou o objeto e nós tivemos a ideia de fazer um simples café da manhã para ele tomar junto com os idosos”, informou.

- Anúncio -

A respeito da administração do gestor no município, Dalva Mercês, afirma que o trabalho é incansável, “nós estamos trabalhando, você pode ver que as obras estão sendo tocadas diariamente, as inaugurações e entregas do projeto “Tome Obra” são sempre aos fins de semana. Sabemos que a chuva atrapalha o processo da construção e obras, têm obras de convênio que precisa de medição, ou seja, a gente não faz a coisa como a gente quer; se dependesse de nós, do prefeito e das equipes as obras iniciaram e terminaram rapidamente mas não é assim, existe as medições, os problemas que acontecem no decorrer das obras, mas nós estamos trabalhando e não vamos parar” relata.

Sobre seu futuro político, a vice-prefeita, afirma que ainda não houve conversa sobre tal assunto e que o grupo espera discutir futuramente, “sou professora e estou na política, então nós não conversamos sobre isso ainda. O grupo ainda não sentou para dialogar sobre o meu futuro político. Hoje estou secretária e vice-prefeita e estamos preparados para o que der e vier. Quando nós estamos na vida pública não podemos decidir sozinhos o nosso futuro, nós dependemos de Deus e da população e temos o grupo político que está unido. Lá para frente iremos sentar e discutir sobre nossos futuros”, finaliza.

Reportagem: Voz da Bahia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui