Últimas Notícias sobre economia brasileira

Foto: Divulgação/Eletrobras

Apesar do adiamento da análise da privatização da Eletrobras pelo Tribunal de Contas da União (TCU), o governo manteve o cronograma do leilão de capitalização da companhia no primeiro semestre do próximo ano. Segundo o Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (CPPI), a venda de ações da União para investidores privados deverá ocorrer no

Os 37 protocolos de intenções firmados com a Bahia no primeiro trimestre do ano preveem um aporte de R4 5,2 bilhões na Bahia. Estes empreendimentos devem gerar 2,2 mil empregos diretos e 3 mil indiretos, segundo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE).

Apesar de ter desacelerado em novembro, com leve alta de 0,02%, o IGP-M — usado para reajustar contratos de aluguel —, ainda acumula alta de quase 18% em 12 meses. Isso significa que eventuais reajustes ainda podem pesar bastante no bolso do inquilino. Tomando como base os preços médios dos aluguéis de imóveis, segundo o FipeZap, multiplicados … continue

A Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) e a Comissão Temporária Externa para averiguar as causas e efeitos da crise hidroenergética (CTECRHE) realizam audiência pública conjunta, com ministro de Minas e Energia, para entender a profundidade dos problemas envolvendo a crise hídrica e quais soluções o governo federal vem adotando para se precaver de possíveis racionamentos. Os senadores debatem os aumentos tarifários e o planejamento que a pasta está adotando para o próximo ano. À mesa, ministro de Estado de Minas e Energia, Bento Albuquerque. Foto: Roque de Sá/Agência Senado

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, disse nesta terça-feira (9), que o preço do petróleo deve subir mais com a chegada do inverno no Hemisfério Norte e o consequente aumento do consumo. Em audiência pública das Comissões de Infraestrutura e Temporária para discutir as causas da crise energética do Senado ele justificou a alta de preços dos combustíveis em 2021. “Por que houve aumento? Principalmente pela alta do petróleo, 60% só em 2021, e com tendência, com a chegada do inverno no hemisfério norte, de subir um pouco mais”, declarou Albuquerque.

Foto : Marcello Casal/Agencia Brasil

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro de 2019 ganhou pouco menos do que o estimado anteriormente: a alta passou de 1,4% para 1,2%, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com base no Sistema de Contas Nacionais na manhã desta sexta-feira (5). A estimativa anterior tinha como base as Contas Nacionais Trimestrais, revisada em novembro de 2020, na divulgação do PIB do terceiro trimestre do ano passado. Dados sobre o desempenho da indústria extrativa, por causa dos impactos do rompimento da barragem de rejeitos minerais da Vale em Brumadinho (MG), foram os principais responsáveis ​​pela revisão.

Superintendência da Receita Federal, em Brasília.

Impulsionada pela recuperação da economia e pelo aumento no Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), a arrecadação federal bateu recorde para o mês de setembro. Segundo dados divulgados hoje (26) pela Receita Federal, o governo arrecadou R$ 149,102 bilhões no mês passado, com aumento de 12,87% acima da inflação em valores corrigidos pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira (22) que tem “confiança absoluta” no ministro da Economia, Paulo Guedes , e acrescentou que seu governo não fará “nenhuma aventura” na economia.

Petrobras reajusta em 12% o preço da gasolina nas refinarias a partir desta quinta-feira

Transportadores de combustíveis de seis estados fazem uma paralisação desde a meia-noite desta quinta-feira (21/10). Com o ato, eles reivindicam a redução dos preços do diesel, gás de cozinha, da gasolina e de outros derivados do petróleo.

A intenção de consumo das famílias ficou estável na passagem de setembro para outubro deste ano, segundo pesquisa divulgada hoje (20) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Com o resultado, o indicador interrompeu uma sequência de quatro altas mensais.

A verdadeira “recuperação em V” da economia brasileira só deve estar completa, em um cenário otimista, no final de 2025 / Foto: Ilustração

A verdadeira “recuperação em V” da economia brasileira só deve estar completa, em um cenário otimista, no final de 2025. Para que isso ocorra, no entanto, o país precisará praticamente dobrar a taxa de crescimento do período 2021-2022 a partir de 2023.

Close