Últimas Notícias sobre gastos

Foto : Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro disse ontem (13), durante transmissão nas redes sociais, que o não cumprimento do teto de gastos é alvo de discussões dentro do governo e questionou qual era o problema nisso.

Marcello Casal Jr./Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro deu uma declaração, na noite desta quarta-feira (12), na entrada do Palácio da Alvorada, em Brasília, para reafirmar a defesa da emenda do teto de gastos públicos e de uma agenda de responsabilidade fiscal. Ele estava acompanhado pelos presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado Federal, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que também fizeram um breve pronunciamento, em seguida, endossando os mesmos pontos do presidente.

Foto : Antonio Cruz / Agência Brasil

O Ministério da Defesa foi a pasta que teve maior reforço de orçamento no primeiro ano de governo de Jair Bolsonaro, capitão reformado do Exército. Segundo levantamento da Folha, a pasta encerrou 2019 gastando R$ 6,3 bilhões a mais do que havia sido previsto inicialmente.

Agência Brasil

Ministério da Economia prevê que, após tomar medidas para reduzir a fila de espera por aposentadorias e pensões, devam ser desembolsados R$ 9,7 bilhões neste ano. O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) não tem conseguido responder aos pedidos dentro do prazo legal – 45 dias.

Palavra de ordem é disciplina. Coloque na ponta do lápis seus planos para o próximo ano e entenda também se está mal endividado (iStock/Abril Branded Content)

A virada do ano é um ótimo momento para estabelecer novas metas e planos. Mas também é nessa época que surgem contas que podem até triplicar os gastos para alguns brasileiros. Isso porque certas despesas são inevitáveis nos primeiros meses do ano. Contas como IPTU, matrícula escolar, compra de materiais escolares e IPVA passam a figurar as pendências financeiras e a pesar no bolso. Assim, muitos ainda sofrem para arcar com esses custos, principalmente por conta dos abusos cometidos nas compras para as festas de Natal e Réveillon.

Foto: reprodução

O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-BA) rejeita as contas de Ouriçangas, no centro norte baiano, referentes ao exercício de 2018, além de multar o prefeito, Antônio Dias Marques (PSL), em mais de R$ 46 mil.

Foto : Dário Guimarães/Metropress

A Universidade Federal da Bahia (Ufba) divulgou hoje (25) um conjunto de medidas para contenção de gastos na instituição. De acordo com a reitoria, as determinações devem ser cumpridas imediatamente.

Foto: © Jefferson Rudy/Agência Senado

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), briga na Justiça para que os senadores mantenham em sigilo as notas fiscais que justificam seus gastos com a chamada cota parlamentar até junho deste ano. Destinada a cobrir despesas relativas ao exercício do mandato, a cota varia entre R$ 30 mil e R$ 45 mil, a depender do Estado do congressista. O alvo da ação judicial é o próprio Alcolumbre, mas a decisão pode beneficiar a todos seus colegas na Casa.

Foto : Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro tem usado os cartões corporativos do governo federal além dos limites impostos, segundo informações do blog de Lúcio Vaz, na Gazeta do Povo. Foram identificados pagamentos da Secretaria de Administração da Presidência em valores de R$ 68 mil, R$ 70 mil e R$ 79 mil, muito acima do limite de R$ 33 mil nas compras normais.

(Thyago Marcel/Câmara dos Deputados)

A Câmara Federal deve pagar cerca de R$ 200 milhões somente de energia elétrica em 2019. De acordo com a coluna Radar, da revista Veja, até o momento o consumo ultrapassou a barreira de 90 milhões de reais neste ano.

Close