Últimas Notícias sobre Haddad

Fotos: Wilson Dias e Antonio Cruz/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro voltou a criticar as medidas de isolamento decretadas por prefeitos e governadores para frear os avanços da pandemia do novo coronavírus. Em discurso nesta sexta-feira (23) em Manaus (AM), o mandatário questionou como estaria o Brasil se o candidato derrotado à Presidência Fernando Haddad (PT) tivesse vencido o segundo turno das eleições em 2018.

Foto: Agência Câmara

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB), 57, pediu desculpas, na noite desta segunda (19), ao ator José de Abreu, 74. A declaração foi dada no início da entrevista que o tucano fez com o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), para o seu programa Boa Noite com Alexandre Frota, exibido na Rede Brasil e em suas redes sociais.

Bolsonaro em Cruzeiro dos Peixotos, distrito de Uberla%u0302ndia, cidade do Triângulo Mineiro (foto: Alan Santos/Presidência da República)

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido) desponta como um dos principais nomes para vencer as eleições presidenciais de 2022 e comandar o governo federal entre 2023 e 2026. Ao menos é o que aponta uma pesquisa divulgada nesta sexta-feira (05/03), a mais de um ano e seis meses do pleito, pela Paraná Pesquisas.

© Adriano Machado / Reuters

Apontado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como o candidato do PT à Presidência da República nas eleições de 2022, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad classificou Ciro Gomes (PDT) como um candidato da direita. Ele defendeu um pacto entre partidos da oposição a Jair Bolsonaro somente no 2º turno da disputa. A fala do petista foi em entrevista à rádio Bandnews de Manaus (AM).

Foto: Reprodução

O ex-presidente teria conversado com o ex-prefeito de São Paulo no último sábado.

Foto: Divulgação

Mal havia acabado a apuração dos votos do primeiro turno em São Paulo, apontando Bruno Covas (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL) como os candidatos mais votados na capital paulista, quando as primeiras declarações de apoio aos postulantes para o segundo turno foram confirmadas.

Foto: Reprodução/Facebook

“Que baratino foi aquele de dizer que não posso ser candidata?”, foi assim, em bom baianês, que a pré-candidata a Prefeitura de Salvador pelo PT, major Denice Santiago, disparou a primeira pergunta ao ex-ministro da Educação, ex-prefeito de São Paulo e ex-candidato à Presidência da República, Fernando Haddad (PT), durante debate sobre educação, por meio das redes sociais, atividade promovida pelo movimento ‘Salvador Mãe de Todos’, criado e coordenado pela pré-candidata para discutir pautas relacionadas à capital baiana e colher propostas da população soteropolitana sobre diversos temas.

Foto: Arquivo Pessoal/Instagram

O ex-presidenciável Fernando Haddad (PT) utilizou as redes sociais para comentar a recente declaração do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que disse estar tratando o coronavírus com a hidroxicloroquina. Para o petista, Bolsonaro tem pacto ‘inquebrantável’ com a morte.

Foto: Divulgação

O ex-prefeito de São Paulo e ex-ministro da Educação, Fernando Haddad (PT), afirmou que o PT não precisa pensar imediatamente em como vencer as próximas eleições, mas, sim, em como recuperar a credibilidade com o eleitorado após casos de corrupção na sigla.

Foto: Arquivo Pessoal/Instagram

A rejeição Fernando Haddad (PT) chegou ao patamar que o tornariam tecnicamente inelegível caso as eleições presidenciais de 2022 fossem neste sábado (2).

Close