Últimas Notícias sobre Hamas

Foto: Reprodução

O professor André Lajst avalia que a ascensão do Talibã ao poder no Afeganistão irá impulsionar atentados terroristas ao redor do mundo, já que os extremistas agora terão a máquina estatal para financiar ações do tipo.

O movimento marxista Black Lives Matter manifestou “solidariedade” ao grupo terrorista Hamas, defendendo o que classificou como “fim do assentamento dos colonos” e a libertação palestina. Enquanto isso, cristãos norte-americanos organizaram doações de abrigos antiaéreos a israelenses.

Artilharia israelense dispara perto da fronteira com a Faixa de Gaza / Foto: Dan Balilty/The New York Times

Israel e o Hamas, o movimento islâmico no poder na Faixa de Gaza, aprovaram um cessar-fogo com o objetivo de encerrar 11 de combates sangrentos na região. “O gabinete (de segurança) aceitou unanimemente a recomendação dos oficiais de segurança de aprovar a iniciativa egípcia de um cessar-fogo bilateral sem condições”, disseram as autoridades israelenses em um comunicado. Na Faixa de Gaza, o Hamas confirmou a entrada em vigor desta trégua a partir das 2h de sexta-feira (hora local, 20h desta quinta-feira de Brasília). A Jihad Islâmica, segundo grupo armado do território palestino, confirmou a trégua.

Foto: Reprodução

Os recentes ataques do Hamas contra Israel reacenderam a discussão em torno do cumprimento de profecias sobre o fim dos tempos, e o pastor Augustus Nicodemus Lopes trouxe uma ponderação a respeito do ponto de vista teológico.

Foto: Ibraheem Abu Mustafa/direitos reservados Internacional

Os combates na fronteira entre Israel e o grupo palestino Hamas pareceram diminuir um pouco nesta terça-feira (18), sem mortes registradas em Gaza pela primeira vez desde o início das hostilidades, em 10 de maio, e menos ataques com foguetes palestinos de longo alcance.

Imagem: Reprodução

A paciência de Israel com os ataques feitos pelo Hamas parece ter chegado ao fim, e o país lançou uma incursão terrestre para invadir a área controlada pelo grupo, a Faixa de Gaza. A decisão foi tomada após uma série de foguetes serem lançados contra os israelenses na quinta-feira, 13 de maio.

Foto: ANAS BABA

À esquerda, o poderoso sistema israelense de interceptação de mísseis, chamado Domo de Ferro. À direita, os foguetes lançados contra Israel pela milícia palestina Hamas, partindo de Beit Lahia, no norte da Faixa de Gaza.

Hamas e outros grupos palestinos contam com uma variedade de mísseis — Foto: Getty Images/Via BBC

O conflito entre grupos palestinos na faixa de Gaza e as Forças Armadas israelenses têm causado morte e sofrimento em ambos os lados. O conflito, contudo, é bastante assimétrico.

Foto: Divulgação

No início da noite desta quinta-feira (13), o exército de Israel afirmou que iniciou ataques por terra na Faixa de Gaza contra o Hamas. O governo do país reforçou o número de soldados e tanques na fronteira do local, com três brigadas posicionadas na região atualmente.

Os ataques balísticos das últimas horas revelaram mais uma vez o poder da Cúpula de Ferro de Israel - JACK GUEZ / GETTY

O fogo cruzado entre forças israelenses e palestinas continua a se intensificar e as Nações Unidas temem uma “guerra em grande escala”.

Close