Últimas Notícias sobre Isidório

Foto: Divulgação

Depois de ter recebido das mãos de uma mãe de santo uma imagem do Zé Pilintra das Almas, no Ceará, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ganhou uma Bíblia de um pastor evangélico no Nordeste.

Pastor Isidório com o pastor Reinaldo Barreto do Centro Aprisco / Foto: Reprodução

O diretor do Centro de Recuperação Aprisco da cidade de Santo Antônio de Jesus, pastor Reinaldo Barreto, teve uma reunião com o deputado Federal Isidório de Santana Júnior (Avante), da Fundação Dr. Jesus, na BR-101, que também trata de dependentes químicos.

Foto : TV Band

A pesquisa de intenção de voto, realizada pelo Ibope na capital baiana, foi barrada por determinação do juiz eleitoral da 13ª Zona, Antônio Mônaco Neto. O pedido foi feito pela equipe jurídica do candidato Pastor Sargento Isidório (Avante), capitaneada pelo advogado Pedro Carneiro Sales.

Foto : Divulgação/Band

A pesquisa do instituto RealTime Big Data/CNN Brasil aponta que o candidato e atual vice-prefeito Bruno Reis (DEM) lidera para a disputa a prefeito de Salvador, com 41% das intenções de votos. Em seguida estão os candidatos Pastor Sargento Isidório (Avante), com 10%; Major Denice (PT), com 7%; Olivia (PCdoB), com 6%; Bacelar (PODEMOS), com 4%; Cezar Leite (PRTB), com 4% e Hilton Coelho (PSOL), com 3%.

Arquivo BNews

deputado federal e pré-candidato à prefeitura de Salvador, Pastor sargento Isidório (Avante) preferiu “resguardar” a imagem durante o Carnaval. Negou entrevistas à imprensa e não apareceu nos principais eventos políticos, como a abertura da festa momesca, na quinta-feira (20). No entanto, foi flagrado pela equipe do BNews, na noite deste sábado (22), no meio do bloco Vumbora, de Bell Marques.

Foto: Roberto Viana/ Ag. Haack/ bahia.ba

Pré-candidato a prefeito de Salvador a pedido do governador Rui Costa (PT), o deputado federal Pastor Sargento Isidório (Avante) falou sobre o que considera “empoderamento” feminino nesta sexta-feira (29), durante uma espécie de culto semanal que realiza na Fundação Dr. Jesus.

Foto: Luiz Felipe Fernandez/bahia.ba

Pré-candidato a prefeito de Salvador, o deputado federal Sargento Isidório (Avante) declarou nesta segunda-feira (25) que “só Deus” o faria desistir de disputar o Palácio Thomé de Souza, após o governador Rui Costa (PT) incentivá-lo a concorrer novamente ao cargo.

Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Autoproclamado “ex-gay”, o deputado federal Pastor Sargento Isidório (Avante) afirmou, durante sessão da Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara, que o presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, comprovou a sua “tese”.

Foto: montagem VN

O deputado federal Pastor Sargento Isidório (Avante) tentou atacar o escritor e guru do presidente Jair Bolsonaro, Olavo de Carvalho, por meio de uma moção ao General Eduardo Villas Bôas, ex-comandante do Exército e auxiliar de Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto. No documento que a Câmara arquivou, ele chama Olavo de “surtado”, “desocupado” e de ser uma “influência nefasta e maligna”. As informações são da coluna do jornalista Guilerme Amado, da revista Época. “Esse Sr. Olavo, que não é Bilac, resolveu ofender nossa Nação e mais parece um desocupado, surtado que quer transformar seus impropérios e paranoias em filosofia”, escreveu o baiano, completando afirmando que Olavo tem

Foto: Divulgação

Integrante da bancada evangélica da Câmara dos Deputados, o baiano Sargento Isidório (Avante) confirmou ao que irá liderar a articulação na Casa parar barrar o decreto presidencial que flexibiliza o porte de armas. O deputado, que também é capitão da Polícia Militar, acusa Jair Bolsonaro (PSL) de querer fazer “um genocídio no país” e “derramar sangue do povo inocente” ao facilitar o acesso às armas para alguns grupos, como políticos, caminhoneiros e jornalistas. “Você acha que todo caminhoneiro tem equilíbrio para usar arma? Imagine no parlamento todo mundo armado.

Close