Humberto Leite condena a quantidade de 60 mil Ivermectinas adquiridas pela secretaria de saúde de SAJ: “achei um exagero”

Ex-prefeito Humberto Leite (DEM) \ Imagem: Voz da Bahia

O ex-prefeito e um dos líderes do grupo Beija-Flor, Humberto Leite em entrevista exclusiva ao Voz da Bahia, expôs sua opinião acerca da compra de 60 mil Ivermectinas (vermífugos) pela prefeitura municipal através da Secretaria de Saúde de Santo Antônio de Jesus na tentativa de combater o avanço da Covid-19 (relembre aqui). Leite comenta que deveria ter adquirido uma quantidade diminuta: “se tivesse comprado uma quantidade menor eu poderia até ficar calado, né? Mas compraram praticamente uma caixa para cada um morador de Santo Antônio de Jesus, achei isso um exagero, comprou demais”, discorreu.

O ex-prefeito também debate se advir a possibilidade de o medicamento não fazer efeito necessário no combate a Covid-19, “se amanhã ou depois não der certo está droga, vai ser um prejuízo grande, tinha que comprar uma quantidade menor de Ivermectina, mas também lembrando de outros remédios. Outros tipos de medicamentos ausentes: está havendo reclamação da falta de remédio de pressão, ainda as famosas tirinhas de glicemia, são essas que a prefeitura tem que comprar em quantidade”, pontuou.

Reportagem: Voz da Bahia