Novo presidente da Capes defende criacionismo em ‘contraponto à teoria da evolução’

-
Foto : Divulgação

O novo presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Benedito Guimarães Aguiar Neto, defende a abordagem educacional do criacionismo em “contraponto à teoria da evolução”.

Benedito era reitor da Universidade Presbiteriana Mackenzie e foi nomeado hoje (24) para compor o governo Bolsonaro.

Desde 2017 a Mackenzie tem um núcleo de estudos que advoga uma natureza teológica da origem do universo. Para seus defensores, a teoria darwinista seria insuficiente para explicar a origem da vida. (Metro1)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui