OMS pede interrupção de aplicação de doses de reforço de vacina contra Covid

Foto: Divulgação

A Organização Mundial da Saúde (OMS) está pedindo o adiamento, ou suspensão da aplicação da doses de reforço da vacina contra a Covid-19 até pelo menos final de setembro, disse o diretor-geral da organização, Tedros Adhanom Ghebreyesus, nesta quarta (4).

A ideia é permitir que pelo menos 10% da população de cada país seja vacinada, disse Tedros.

O apelo para interromper a distribuição de doses reforço da vacina é o mais forte já feito pela agência da ONU, à medida que a lacuna entre as taxas de imunização em países ricos e pobres aumenta.

Os países mais ricos administraram cerca de 50 doses para cada 100 pessoas em maio, e esse número dobrou desde então, conforme a OMS. Os países de baixa renda só conseguiram administrar 1,5 dose para cada 100 pessoas, devido à falta de insumos. (Metro1)