Pacientes com Covid em casa devem usar oxímetro para monitorar oxigênio, sugere OMS

Foto: Divulgação

Pacientes infectados pela Covid-19 que se recuperam em casa devem utilizar um oxímetro de pulso para monitorar os níveis de oxigênio do organismo. Essa foi a sugestão feita, nesta terça-feira (26), pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A entidade divulgou novas diretrizes para a administração da doença.

De acordo com reportagem do portal Bem Estar, do G1, o objeto é colocado nos dedos da mão, e deve ter acompanhamento médico quando utilizado.

Para pacientes que estão hospitalizados, a OMS sugeriu que sejam aplicadas doses baixas de anticoagulantes para prevenir trombose. Mantê-los deitados de bruços, para melhorar o fluxo de oxigênio, é outra recomendação.

A organização também anunciou que vai se reunir para nomear o conjunto de sintomas que protagonizam a “Covid longa”: pacientes que possuem sintomas como cansaço, tosse persistente e intolerância a exercícios físicos mesmo após o vírus já ter deixado o corpo. Consultas serão feitas para definir os casos a partir da condição dos pacientes.