Prefeito de Jeremoabo contraria próprio decreto municipal e promove aglomeração na cidade; veja vídeo

-
Reprodução/YouTube

Derisvaldo José dos Santos, prefeito de Jeremoabo, distante 370 quilômetros de Salvador, promoveu uma aglomeração durante a entrega de materiais para uma obra de pavimentação em uma comunidade do município. O evento ocorreu no último sábado (8) e contou com a presença de correligionários. 

Em um vídeo enviado à reportagem, é possível ver as pessoas aglomeradas no local enquanto o prefeito faz um discurso. As imagens mostram que as a maioria das pessoas aparece usando máscara. De acordo com informações obtidas pelo BNews, uma carreata também foi realizada na ocasião.

Veja vídeo:

A realização do encontro vai contra um decreto assinado pela própria prefeitura, que suspende eventos no município em razão da pandemia do novo coronavírus.

A reportagem entrou em contato com a prefeitura de Jeremoabo que disse através de nota que não convocou a comunidade para participar do evento, mas que apesar disso, as pessoas compareceram de forma espontânea.  Ainda segundo a nota, “diante do período eleitoral, várias versões serão criadas para tentar comprometer o trabalho do prefeito”.

 Veja a nota na íntegra:

No sábado passado, 08/10, foi entregue o material para a pavimentação em paralelepípedo, na comunidade Viração, distante 29km da sede, que não tinha em sua avenida principal condições para trânsito de pessoas ou veículos. Sobre uma possível aglomeração, ocorre que, a comunidade que esperava tal obra há mais de 30 anos,mesmo diante da situação de saúde sanitária e tendo recebido a recomendação de evitar comparecer ao ato, comovida pela ação, compareceu espontaneamente, inclusive em seus carros. Não houve convocação da gestão para nenhum ato, como pode ser visto nas redes sociais oficiais (facebook.com/govjeremoabo e instagram.com/govjeremoabo) e diante do período eleitoral, várias versões serão criadas para tentar comprometer o trabalho sério e transparente da atual gestão do Prefeito Deri do Paloma. A gestão reitera a importância das recomendações da OMS e pede a todos que as observem“, diz a nota.

(BNews)