Últimas Notícias sobre carnaval de Salvador

Gloria Groove na Parada LGBT de São Paulo — Foto: Iwi Onodera/Brazil News

A cantora Gloria Groove vai puxar um trio elétrico no carnaval de Salvador pela primeira vez em 2020, com o “Bloco das Poderosas”. A informação foi divulgada pela artistas nas redes sociais. O desfile será realizado no circuito Barra-Ondina, localizado na orla da capital baiana, no dia 22 de fevereiro, segundo dia oficial de festa.

Foto: Divulgação

O vereador de Salvador Henrique Carballal (PV), projeto de lei que prevê proibição do tradicional arrastão realizado na Quarta-feira de Cinzas, disse que “o Carnaval está acabando” e que “ terça-feira quase não tem atração nenhuma à noite”, em entrevista ao programa “Isso é Bahia”, na rádio A Tarde 103,9 FM, com Fernando Duarte e Jefferson Beltrão, na manhã desta quarta-feira (18).

Foto: Eder Mota

Depois de Márcio Victor falar sobre o possível fim do Arrastão na quarta-feira de Cinzas, chegou a vez de Léo Santana dar sua opinião sobre o assunto. O cantor comentou sobre o polêmico Projeto de Lei 45/16, de autoria do vereador Henrique Carballal (PV) durante coletiva de imprensa no Salvador Fest, que aconteceu no último final de semana na capital.

ACM Neto critica que projeto não foi debatido com sociedade. Foto: Luiz Felipe Fernandez/bahia.ba

O prefeito ACM Neto (DEM) já decidiu que vetará o projeto que proíbe eventos profanos na Quarta-Feira de Cinzas, a exemplo do tradicional arrastão feito na Barra.

Foto : Valter Pontes/Prefeitura de Salvador

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) prorrogou a investigação sobre as zonas de exclusividade do Carnaval de Salvador, que incluem cervejarias como a Skol. A decisão foi do último dia 8 e a prorrogação é por mais 60 dias. O adiamento atinge ainda as apurações sobre supostas práticas anticompetitivas que teriam ocorrido em cidades com festas de rua como Olinda (PE), Ouro Preto (MG), Paraty (RJ), Recife, Rio de Janeiro e São Paulo.

Foto: Reprodução/TV Bahia

O homem que confessou ter agredido e matado o estudante de engenharia mecânica, Kaíque Abreu, em 2018, após sair de um dos circuitos do carnaval de Salvador, foi condenado a 14 anos de prisão em regime fechado, nesta terça-feira (11), na capital baiana. De acordo com familiares da vítima, Edson Rodrigues dos Santos foi condenado por homicídio duplamente qualificado. O julgamento começou ainda na manhã desta terça, no Fórum Ruy Barbosa, e terminou por volta das 16h40.O G1 entrou em contato com o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) para saber detalhes da condenação, mas foi informado de que o teor da decisão só será disponibilizado na quarta-feira (12).

Close