Extratos bancários mostram que Michelle Bolsonaro recebeu R$ 72 mil de Queiroz

-
Foto: Reprodução / Alan Santos / PR

A primeira-dama Michelle Bolsonaro pode ter recebido mais de R$ 70 mil reais de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro (Republicanos) e em prisão domiciliar por suspeita de participação em um esquema de rachadinha com dinheiro dos gabinetes da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

A Crusoé teve acesso à quebra do sigilo bancário de Fabrício Queiroz autorizada pela Justiça a pedido dos investigadores e relatou que os cheques que caíram na conta da primeira-dama não somam nem 24 mil nem 40 mil reais, como havia afirmado o então presidente eleito Jair Bolsonaro (sem partido) em dezembro de 2018. Os montantes chegam a R$ 72 mil.

Os extratos detalham as transações financeiras do ex-assessor entre os anos de 2007 e 2018 e mostram o intenso fluxo de valores creditados em conta, contrariando a primeira e a única versão apresentada por Bolsonaro na tentativa de justificar os pagamentos a Michelle Bolsonaro.