Últimas Notícias sobre demitida

Foto: Reprodução / Redes Sociais

A Ordem dos Advogados do Brasil na Bahia (OAB-BA) demitiu, nesta quarta-feira (20), a procuradora de Defesa de Prerrogativas da entidade representativa, Lorena Machado, responsável por confeccionar e impetrar na Justiça com o pedido de sigilo das investigações contra o advogado José Luiz de Britto Meira Júnior, que diz ter matado acidentalmente a namorada, Kézia Stefany da Silva Ribeiro, de 21 anos, no último domingo (17), no bairro do Rio Vermelho, em Salvador.

Foto: Reprodução/G1

A enfermeira Nathanna Faria Ceschim foi demitida do Hospital Santa Casa de Misericórdia de Vitória, no Espírito Santo. A notícia foi confirmada pela ela mesma, que foi flagrada debochando da vacinação contra a Covid-19 em vídeo produzido pela enfermeria, que também postou a declaração nas redes sociais.

Tranças foram motivo de demissão (imagem ilustrativa). — Foto: Alex Robinson / Unsplash / Divulgação

A Justiça determinou o pagamento de R$ 30 mil de indenização por danos morais para uma recepcionista que foi demitida após se recusar a tirar as tranças para trabalhar em uma clínica médica, em Nova Lima, na Grande BH. A ação foi divulgada nesta sexta-feira (20) pelo Tribunal Regional do Trabalho.

Foto: Reprodução / Facebook

Uma professora de educação básica da rede pública estadual de São Paulo foi demitida nesta quarta-feira (19/8), após ter minimizado o caso da menina de 10 anos estuprada pelo tio no Espírito Santo, dizendo que “não foi nenhuma violência”.

Foto: Divulgação

A mulher que apareceu em uma reportagem do Fantástico do último domingo (5), ofendendo um fiscal da Prefeitura do Rio durante uma inspeção na região da Barra da Tijuca, na Zona Oeste, foi demitida da empresa onde trabalhava na manhã desta segunda-feira (6) por causa do episódio.

Diarista foi demitida quando patroa descobriu sua religião - Foto: Facebook/reprodução

Uma diarista teria sofrido intolerância religiosa da patroa por ser espírita. No centro da polêmica, estaria uma evangélica, que teria tomado a decisão de demitir a funcionária por não querer em sua casa uma pessoa ligada à religião.

Foto: © Reprodução / Twitter

A nunciada secretária-executiva do MEC (Ministério da Educação) pelo ministro Ricardo Vélez Rodriguez, mas barrada internamente, a professora Ioelene Lima foi demitida da pasta na quinta-feira (21). A briga por cargos expõe a crise que atinge o MEC.

Close