Rui sobre governo Bolsonaro: ‘Virou assunto de família, Brasil fica para depois’

0
109
-Foto: Camila Souza/Gov-BA
Foto: Camila Souza/Gov-BA

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), criticou na noite desta terça-feira (22) a maneira como o presidente Jair Bolsonaro (PSL) tem conduzido o governo, permitindo que o debate público seja pautado por questões familiares.

Durante o #PapoCorreria, transmitido ao vivo em seu perfil oficial no Facebook, ele respondeu ao comentário de um internauta, que sinalizou o interesse de brasileiros nas próximas eleições presidenciais, que só ocorrerão em 2022. O petista é, inclusive, especulado como um dos nomes para disputar a eleição.

- Anúncio -

“Cada vez mais um número maior de pessoas perde as esperanças nesse governo, que virou assunto de família. O Brasil fica para depois, o povo pode esperar, que se aguente. É assim que pensa, infelizmente, o atual governo. O povo sofrendo e eles lá discutindo o que cada um vai ser, vai receber. Parece que as pessoas elegeram para resolver primeiro os problemas da família, depois do Brasil. Por isso as pessoas estão um pouco desiludidas, procurando as eleições de 2022”, disse.

Mais cedo, o ex-líder do PSL na Câmara, deputado Delegado Waldir, também criticou a família Bolsonaro, chegando a definir o chefe do Palácio do Planalto como marionete nas mãos dos filhos. “Ninguém é mais forte no governo do que os filhos do presidente. O presidente, na verdade, é uma marionete. E os filhos estão governando”, afirmou.

Em crise interna, a liderança do PSL, partido do presidente, foi assumida pelo deputado Eduardo Bolsonaro, que destituiu todos os 12 vice-líderes da sigla na Casa. (Bahia.Ba)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui